Bruna Marquezine “vai aos prantos” durante apresentação de cantor gospel em culto evangélico

Bruna Marquezine “vai aos prantos” durante apresentação de cantor gospel em culto evangélico
5 (100%) 1 vote

Bruna Marquezine caiu no choro ao ouvir o cantor gospel Fernandinho cantar a frase “Deus é bom pra mim”

A atriz Bruna Marquezine registrou alguns trechos de um culto evangélico que frequentou neste domingo (22).

Ela publicou alguns stories em sua conta no Instagram, cantando e adorando enquanto o cantor gospel Fernandinho se apresentava no palco. Tanto Marquezine, quanto o seu namorado, o jogador de futebol Neymar, se consideram evangélicos, e frequentemente são vistos em cultos ou eventos religiosos.

Eles também costumam se cercar de pastores ou cantores gospel, afim de obter aconselhamento espiritual e direção em decisões importantes em suas carreiras.

Na primeira fila, a atriz ficou pertinho de Fernandinho, e cantou as musicas, demonstrando que já as conhecia.

Em um dado momento, é possível ouvir que a atriz chora bastante enquanto canta a frase “Deus é bom pra mim”.

Assista:

Kleber Lucas se reúne com Fábio de Melo e babalaô para reconstruir terreiro de Candomblé

O cantor gospel Kleber Lucas esteve presente no encontro entre o padre Fábio de Melo, e o babalaô Ivanir dos Santos, na manhã deste Domingo (08), na Barra da Tijuca, bairro nobre do Rio de Janeiro.

Kleber é amigo pessoal do padre, que inclusive já ministrou em sua igreja, a Batista Soul, algumas vezes. O cantor gospel também tem uma amizade com o Ivanir, desde que Kleber Lucas foi hostilizado por evangélicos por participar da reinauguração de um terreiro de Candomblé, eles estreitaram a amizade.

Por tanto, amigo dos dois, foi Kleber Lucas quem aproximou os religiosos, à pedido do padre. Fábio de Melo queria se desculpar pessoalmente com o babalaô, por uma brincadeira que fez durante uma homilia. O padre brincou ao se referir a macumba e elementos como; Farofa e galinha preta.

Depois que o vídeo em que o padre fez a tal brincadeira cai na internet, ele passou a ser criticado por pessoas ligadas a religiões de matrizes africanas.

As acusações foram de que o padre estava sendo intolerante e preconceituoso.

Diante da forma como a opinião pública se voltou contra ele, Fábio de Melo não viu outra alternativa a não ser, se desculpar com Ivanir pessoalmente, e Kleber Lucas acabou fazendo a ponte entre ambos.

Como uma espécie de prova de boa fé, os religiosos se uniram para ajudar a reconstruir um terreiro que teria sido destruído em Nova Iguaçú, por intolerância.

Depois do encontro, eles seguiram até o local do terreiro, onde se encontrariam com Sergio Malafaia D’Ogum, proprietário do terreiro, afim de definir a melhor forma de ajudarem na reconstrução.

 

Fonte!

Comentários no Facebook